Transtorno de ansiedade de doença: saiba como descobrir e tratar! - Hospital Santa Mônica
Hospita Santa Mônica

Olá, bem-vindo. Escolha um setor para falar conosco.

Você já ouviu falar de transtorno de ansiedade de doença? Antigamente chamado, de maneira pejorativa, de hipocondria, ele pode ser definido como preocupação e/ou medo exagerado de desenvolver algum tipo de doença grave.

Isso deriva de uma interpretação equivocada de sintomas físicos não patológicos ou funções normais do corpo, como percepção dos batimentos cardíacos e sudorese.

Comumente, tal transtorno começa no início da fase adulta, ocorrendo em homens e mulheres. O indivíduo se sente muito angustiado e acaba se tornando incapaz de exercer suas atividades cotidianas. Isso prejudica tanto o seu desempenho no trabalho como seus relacionamentos pessoais.

No post de hoje, entenda o que é e como tratar o transtorno de ansiedade de doença. Boa leitura!

Quais são os principais sintomas do transtorno de ansiedade de doença?

Autoexame constante e preocupação com novas sensações somáticas

A pessoa passa a se auto examinar repetidamente, por exemplo, analisando sua garganta no espelho e/ou verificando lesões na pele. Ela fica facilmente alarmada com qualquer nova sensação somática.

Consultas médicas frequentes ou evitação de assistência

Há quem passe a procurar médicos com bastante frequência, enquanto outros evitam esse tipo de assistência a qualquer custo.

Como é feito o seu diagnóstico?

O diagnóstico é clínico e tem como base os critérios do Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais — 5º Edição. Depois de passar por avaliação médica rigorosa, o parecer é dado quando medos e sintomas (se houver) persistem por período igual ou maior a seis meses.

E de que maneira tratá-lo?

Uso de inibidores seletivos de recaptação de serotonina (ISRS)

A serotonina é uma substância química produzida pelo nosso corpo, que funciona como um neurotransmissor. Ela afeta a maior parte das funções do cérebro, sendo chamada de “hormônio do humor” e, também, de “hormônio do prazer”.

Os ISRS bloqueiam a sua reabsorção, aumentando os seus níveis entre os neurônios. Esses fármacos são usados no tratamento de diferentes tipos de depressão, transtornos de ansiedade e transtornos de personalidade.

Terapia comportamental (TC)

Em geral, terapia é como se chama a psicoterapia: psico (mente) + terapia (cuidar). Já a terapia comportamental (TC) é um vertente recente na psicologia e costuma estar associada à terapia cognitiva.

Na TC, o terapeuta especializado identifica os comportamentos disfuncionais do paciente, isto é, suas ações que provocam sofrimento e/ou problemas de saúde. Com maior consciência sobre si mesmo, ele pode ter mais controle sobre seus hábitos e, dessa forma, criar comportamentos.

Lembre-se de que, para o sucesso de qualquer tratamento, é fundamental contar com o apoio de um profissional qualificado, a fim de que seja estabelecida uma relação médico-paciente consistente. Nós, da equipe do Hospital Santa Mônica, estamos à disposição para ajudá-lo a cuidar da sua saúde mental.

Se você leu até aqui, já sabe quais são os sintomas do transtorno de ansiedade de doença e como tratá-lo. Não hesite em procurar auxílio, caso note a necessidade.

Este post sobre transtorno de ansiedade de doença foi útil para você? Entre em contato conosco e obtenha mais informações sobre o assunto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Planos de Saúde

SBC Saúde
Amil
Interclinicas do Brasil
Vale Saúde
Unimed Intercâmbio
Unimed CT Nacional
Unimed ABC
Transmontano
SulAmérica
Sompo
Sinpeem
Sepaco
Saúde Caixa
Santa Amália
Sabesprev
Prodesp (GAMA)
Prime Saúde
Prevent Sênior
Plan-Assiste (MP FEDERAL)
Panamed Saúde
Omint
NotreDame Intermédica
Nipomed
Metrus
Mediservice
Master Line
Mapfre Saúde
Life Empresarial
Intermédica
Green Line
Gama Saúde
EMBRATEL
Economus
Correios / Postal Saúde
Caixa Econômica Federal
Bradesco Saúde
Banco Central
APCEF/SP
AMAFRESP
Alvorecer Saúde
ABRASA
Ver todos