Publicado em Deixe um comentário

Saiba como identificar a Depressão Atípica

Depressão Atípica

A depressão é uma condição que faz com que as pessoas sintam tristeza contínua e perdem o interesse pelas atividades que antes desfrutavam. Sintomas adicionais podem incluir isolamento social, sentimentos de desesperança e inutilidade, insônia (dificuldade em adormecer e/ou adormecer), diminuição do apetite com perda de peso, fadiga, dificuldade de concentração e pensamentos de morte ou suicídio. A depressão pode interferir na capacidade de realizar tarefas diárias. Também pode contribuir para uma ampla gama de problemas físicos e impactar negativamente os relacionamentos.

O que é depressão atípica?

A depressão atípica (também chamada de depressão maior com características atípicas) é um tipo específico de depressão em que os sintomas variam dos critérios tradicionais. Um sintoma específico da depressão atípica é uma melhora temporária do humor em resposta a eventos positivos reais ou potenciais. Isso é conhecido como reatividade do humor.

Quão comum é a depressão atípica?

A depressão é bastante prevalente, afetando aproximadamente 121 milhões de pessoas em todo o mundo. Apesar do nome, a depressão atípica é bastante comum, afetando 18 a 36% das pessoas com transtorno depressivo.

A depressão atípica tem pelo menos duas vezes mais chances de afetar mulheres do que homens. Além disso, a depressão atípica tende a começar mais cedo (na adolescência e no início dos 20 anos) e a durar mais (geralmente se tornando uma condição crônica) do que a depressão típica.

Quais são os sintomas da depressão atípica?

Além da reatividade do humor (descrita em “o que é depressão atípica”), as pessoas com depressão atípica apresentam pelo menos dois dos seguintes sintomas:

  • Aumento do apetite e / ou ganho de peso significativo;
  • Sonolência excessiva (hipersonia);
  • Sentimento pesado nos braços ou pernas (também chamado de paralisia com chumbo);
  • Reação intensa e maior sensibilidade a críticas ou rejeição, o que resulta em comprometimento social e do trabalho significativo.

Esses sintomas diferem dos sintomas típicos de depressão, que geralmente incluem perda de apetite e insônia (dificuldade em adormecer e/ou adormecer). Além disso, o humor das pessoas com depressão típica geralmente não melhora, mesmo quando coisas boas acontecem.

O que causa depressão atípica?

A ciência ainda não consegue explicar por que algumas pessoas experimentam depressão ou depressão atípica. No entanto, as teorias incluem:

  • Prejuízo do funcionamento dos neurotransmissores (substâncias químicas que transportam sinais cerebrais para outras partes do corpo) e / ou neurorreceptores (os “receptores” dos sinais);
  • A genética (ter um membro da família com transtornos do humor, incluindo transtorno bipolar e distimia [depressão a longo prazo] também pode contribuir para o desenvolvimento de depressão atípica;
  • Trauma;
  • Estresse.

Fatores de risco adicionais para o desenvolvimento de depressão atípica incluem:

  • Experiências negativas na infância;
  • Abuso emocional, físico ou sexual;
  • Doença significativa;
  • Luto após uma perda significativa;
  • História de abuso de substâncias.

Agora que já sabe como identificar, é importante saber que optar por uma instituição de referência em saúde mental — como o Hospital Santa Mônica — é essencial para auxiliar o paciente e seus familiares na superação desse problema. Ser criterioso na escolha do hospital é importante para garantir que todo o processo que envolve a internação para depressão seja focada na recuperação da saúde integral e da qualidade de vida.

Está enfrentando problemas relacionados à depressão? Busque ajuda para superar a doença: entre em contato com o Hospital Santa Mônica e conheça nossos tratamentos!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Siga nossas redes sociais