Publicado em Deixe um comentário

PMSC promove Dia Nacional de Combate às Drogas

Aconteceu nesta terça-feira, 23, no auditório do Instituto Deus É Tudo, o Dia Nacional de Combate às Drogas, em São Cristóvão. Organizada pela Secretaria da Inclusão e do Desenvolvimento Social, a reunião entre estudantes e profissionais tem como objetivo estimular o debate em torno do tema e projetar maneiras para chegar a uma sociedade livre da dependência química e do tráfico ilícito de drogas.

Ameaça constante, a dependência química tornou-se problema de saúde pública não só em São Cristóvão, mas mundialmente. Os malefícios das drogas e sua prevenção –evitar que os adolescentes façam o primeiro uso ou que sejam impedidos de darem continuidade ao uso – foram focos fundamentais no encontro realizado esta manhã.

“O consumo de drogas provoca prejuízos irreparáveis dentro de uma família. Por isso é preciso conscientização em casa. Sem diálogo entre pais e filhos, a respeito dos perigos das drogas, tudo fica mais difícil. Temos que refletir a abordagem do tema e saber qual nosso papel para com a sociedade diante de substâncias psicoativas”, diz Patrícia de Góes Augustinho.

A dependência química é tratada como doença crônica. A ajuda de profissionais e o apoio de familiares são imprescindíveis para a recuperação de jovens que estão inseridos no mundo das drogas. “Sabemos que é difícil, mas o vício pode ser tratado. Quanto mais cedo melhor”, ressalta o jornalista Thiago Paulino que participou ativamente do evento.

A equipe do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) -junto aos convidados – preparou uma manhã de muito diálogo e dinâmica. Alguns filmes relacionados às drogas foram exibidos para os jovens presentes no auditório. Entidades da sociedade civil, além do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente, também participaram do ato de combate às drogas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *