4 condições que impactam a saúde mental na terceira idade - Hospital Santa Mônica
Hospita Santa Mônica

Olá, bem-vindo. Escolha um setor para falar conosco.

Na terceira idade, as pessoas têm algumas perdas funcionais, o que impacta diretamente a autonomia. Esse fato faz com que muitos idosos sofram com medo das limitações.

Por ser uma fase de maior sensibilidade emocional, é comum que se sintam sozinhos e, algumas vezes, abandonados por familiares. Tudo isso afeta a saúde mental dos idosos, para além do aparecimento de doenças crônicas e outras adversidades às quais estão mais propensos.

Por isso, cabe à família e às pessoas próximas tomar alguns cuidados para evitar que situações assim culminem no desenvolvimento de doenças mentais, como é o caso da depressão, muito comum nessa idade. Quando isso acontece, o indicado é buscar ajuda profissional. Confira alguns sinais de que algo não está bem em relação à saúde mental do idoso:

  • alterações no humor;
  • problemas para dormir;
  • tristeza profunda;
  • negligência com a higiene pessoal;
  • choro constante;
  • mania de doenças sem causa aparente.

Contudo, alguns cuidados podem impedir o desenvolvimento desse tipo de doença. A seguir, você confere uma lista com 4 condições que afetam a saúde mental do idoso e algumas dicas para estimulá-las.

A saúde mental do idoso precisa de cuidados especiais. Conheça alguns que podem ser facilmente inseridos na rotina da pessoa na terceira idade!

1. Alimentação saudável

Ter uma alimentação equilibrada ajuda a manter tanto o corpo quanto a mente saudáveis. Ela deve ser rica em cálcio e proteína, ao mesmo tempo em que produtos industrializados, açúcares, sódio e gordura devem ser evitados.

2. Prática de atividades físicas

Exercícios fortalecem os músculos, isso evita quedas e traumas, que podem ser graves em idosos. Hidroginástica e caminhada são atividades de baixo impacto indicadas para eles. Outra vantagem é que a prática incentiva a socialização.

3. Interação com família e amigos

Nessa idade, é comum as pessoas se sentirem esquecidas por parentes e amigos. Tal sentimento pode levar à depressão. Por isso, é essencial que tenham contato diário com pessoas queridas e convivam com parentes de idades diversas.

4. Hábitos saudáveis

Boa alimentação, exercícios e boas noites de sono são uma excelente combinação para a qualidade de vida do idoso. O hábito de aprender coisas novas também é importante nessa fase, pois estimula o cérebro e traz satisfação ao idoso.

A adoção de todos esses hábitos ajuda as pessoas idosas a terem uma rotina mais saudável, ativa e movimentada socialmente. Tudo isso, além de contribuir positivamente com saúde do corpo, também traz impactos positivos para a saúde mental.

As pessoas da terceira idade são, naturalmente, mais propensas a desenvolver doenças crônicas e ter alguns problemas de saúde. Tudo isso, somado ao sentimento de abandono ou solidão, pode trazer doenças mentais como consequência. Para evitar que isso aconteça, familiares e pessoas próximas podem ajudá-las propiciando uma rotina saudável, tranquila e segura.

No entanto, caso o idoso já esteja com problemas e apresente alguns sintomas, como alterações no humor, problemas para dormir ou negligência com a higiene pessoal, entre em contato conosco!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Planos de Saúde

CARE PLUS
SBC Saúde
Amil
Interclinicas do Brasil
Vale Saúde
Unimed Intercâmbio
Unimed CT Nacional
Unimed ABC
Transmontano
SulAmérica
Sompo
Sinpeem
Sepaco
Saúde Caixa
Santa Amália
Sabesprev
Prodesp (GAMA)
Prime Saúde
Prevent Sênior
Plan-Assiste (MP FEDERAL)
Panamed Saúde
Omint
NotreDame Intermédica
Nipomed
Metrus
Mediservice
Master Line
Mapfre Saúde
Life Empresarial
Intermédica
Green Line
Gama Saúde
EMBRATEL
Economus
Correios / Postal Saúde
Caixa Econômica Federal
Bradesco Saúde
Banco Central
APCEF/SP
AMAFRESP
Alvorecer Saúde
ABRASA
Ver todos