Musicoterapia, um instrumento contra depressão - Hospital Santa Mônica
Hospita Santa Mônica

Olá, bem-vindo. Escolha um setor para falar conosco.

Um estudo realizado pela Queens University concluiu que a musicoterapia é poderosa e pode reduzir drasticamente os níveis de depressão entre crianças e adolescentes. O estudo avaliou 251 jovens deprimidos, com sérios problemas comportamentais e emocionais. Os jovens foram divididos em dois grupos.

No primeiro grupo fora aplicado o método tradicional de tratamento para estes tipos de casos. Em contrapartida, no segundo grupo fora aplicado um novo método de cura através da música, a musicoterapia. O resultado final é arrebatador. Pessoas tratadas com música mostraram um aumento considerável na autoestima, tendo uma redução impressionante no nível de depressão.

Além disto, foi identificada uma melhoria nas habilidades interativas e comunicativas dos jovens, que mostraram-se mais dispostos à novas atividades. Ciara Reilly, chefe-executiva do Instituto Irlandês de Musicoterapia, diz: “Os resultados ressaltam a importância de considerarmos a terapia com música entre os métodos disponíveis para tratamento de depressão.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Planos de Saúde

CARE PLUS
SBC Saúde
Amil
Interclinicas do Brasil
Vale Saúde
Unimed Intercâmbio
Unimed CT Nacional
Unimed ABC
Transmontano
SulAmérica
Sompo
Sinpeem
Sepaco
Saúde Caixa
Santa Amália
Sabesprev
Prodesp (GAMA)
Prime Saúde
Prevent Sênior
Plan-Assiste (MP FEDERAL)
Panamed Saúde
Omint
NotreDame Intermédica
Nipomed
Metrus
Mediservice
Master Line
Mapfre Saúde
Life Empresarial
Intermédica
Green Line
Gama Saúde
EMBRATEL
Economus
Correios / Postal Saúde
Caixa Econômica Federal
Bradesco Saúde
Banco Central
APCEF/SP
AMAFRESP
Alvorecer Saúde
ABRASA
Ver todos