Dez municípios de Minas aderem ao Crack, É Possível Vencer - Hospital Santa Mônica
Hospita Santa Mônica

Olá, bem-vindo. Escolha um setor para falar conosco.

Dez municípios do estado de Minas Gerais aderiram, nesta sexta-feira (14), ao Programa Crack, É Possível Vencer, durante solenidade na Assembleia Legislativa de Minas Gerais, em Belo Horizonte. Com a adesão, as cidades de Betim, Contagem, Governador Valadares, Ipatinga e Juiz de Fora; Montes Claros, Ribeirão das Neves, Sete Lagoas; Uberaba e Uberlândia – todas com mais de 200 mil habitantes – receberão dinheiro para fortalecer a segurança pública e o atendimento em saúde, além de assistência social voltada ao cuidado e ao tratamento de dependentes químicos. Até 2014, o Ministério da Justiça entregará 13 bases móveis para os dez municípios reforçarem o policiamento ostensivo nas áreas de concentração de uso de drogas. Haverá investimento em capacitação de profissionais de segurança pública.

O Ministério da Saúde investirá R$ 78 milhões no tratamento de dependentes químicos. Será possível criar 618 leitos para atendimento aos usuários de drogas, em especial o crack. Os municípios receberão R$ 2,7 milhões para apoiar os trabalhos de abordagem social nas ruas. Com as adesões, sobe para 63 o número de municípios que desenvolvem ações do Crack, É Possível Vencer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Planos de Saúde

SBC Saúde
Amil
Interclinicas do Brasil
Vale Saúde
Unimed Intercâmbio
Unimed CT Nacional
Unimed ABC
Transmontano
SulAmérica
Sompo
Sinpeem
Sepaco
Saúde Caixa
Santa Amália
Sabesprev
Prodesp (GAMA)
Prime Saúde
Prevent Sênior
Plan-Assiste (MP FEDERAL)
Panamed Saúde
Omint
NotreDame Intermédica
Nipomed
Metrus
Mediservice
Master Line
Mapfre Saúde
Life Empresarial
Intermédica
Green Line
Gama Saúde
EMBRATEL
Economus
Correios / Postal Saúde
Caixa Econômica Federal
Bradesco Saúde
Banco Central
APCEF/SP
AMAFRESP
Alvorecer Saúde
ABRASA
Ver todos