Tratamento de Dependência a Anfetaminas - Hospital Santa Mônica
Hospita Santa Mônica

Olá, bem-vindo. Escolha um setor para falar conosco.

O que é a dependência de anfetaminas?

As anfetaminas são um tipo de estimulante. Eles tratam o transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) e narcolepsia, um distúrbio do sono. A dextroanfetamina e a metanfetamina são dois tipos de anfetaminas. As anfetaminas se tomadas em excesso, podem causar dependência. A metanfetamina é a anfetamina mais comumente abusada. A dependência de anfetaminas ocorre quando você precisa que o medicamento funcione diariamente. Você experimentará sintomas de abstinência se você estiver dependente e interromper abruptamente o uso do medicamento.

Causas

O que causa dependência de anfetaminas?

O uso de anfetaminas com frequência e durante um tempo prolongado, pode causar dependência. Algumas pessoas se tornam dependentes mais rápido do que outras. Você pode se tornar dependente usando esses medicamentos sem receita médica, adquiridos de forma ilegal no mercado ou se ingerir uma dose maior do que a recomendada pelo médico.

Fatores de Risco

Quem está sob o risco de adquirir dependência de anfetaminas?

Você tem um risco maior de desenvolver dependência de anfetaminas se você:

  • Estiver com fácil acesso a anfetaminas;
  • Viver em uma cultura onde o uso de anfetaminas é considerado aceitável;
  • Apresentar transtornos mentais como depressão, transtorno bipolar, transtornos de ansiedade ou esquizofrenia;
  • Apresentar baixa autoestima ou problemas de relacionamento;
  • Estiver com um estilo de vida estressante; • Estiver com problemas emocionais; • Estiver com problemas financeiros.

Sintomas

Quais são os sintomas da dependência de anfetaminas?

Se você é dependente de anfetaminas, você pode:

  • Faltar o trabalho ou a escola;
  • Não completar, nem executar tarefas;
  • Não se preocupar com a aparência física;
  • Cuidar pouco da higiene pessoal;
  • Não comer;
  • Perder muito peso;
  • Apresentar problemas dentários severos;
  • Roubar para obter dinheiro para sustentar seu vício de droga;
  • Tentar esconder seu abuso de anfetaminas dos outros;
  • Usar anfetaminas quando estiver sozinho;
  • Apresentar dificuldade em parar de usar anfetaminas;
  • Pedir desculpas para você e outros por usar anfetaminas;
  • Experimentar sintomas de abstinência se você não usar anfetaminas;
  • Ter episódios de violência e distúrbios do humor;
  • Apresentar quadro de ansiedade;
  •  Apresentar insônia;
  • Se sentir confuso;
  • Apresentar quadro paranoico;
  • Ter alucinações visuais ou auditivas;
  • Apresentar delírios.

Diagnóstico

Como se diagnostica a dependência de anfetaminas?

Para diagnosticar a dependência de anfetaminas, o seu médico pode:

  • Fazer perguntas sobre o quanto e quanto tempo você usa anfetaminas;
  • Fazer exames de sangue para detectar anfetaminas no seu sangue;
  • Realizar um exame físico e fazer testes para detectar problemas de saúde causados pelo abuso de anfetaminas.

Você pode ter dependência de anfetamina se você tiver usado por três ou mais vezes no mesmo período de 12 meses.

Construção da Tolerância. Você construiu uma tolerância a substância se precisar de doses maiores de anfetaminas para atingir o mesmo efeito. 

A saúde mental é afetada. A retirada da substância do organismo pode ser caracterizada por depressão, ansiedade, fadiga, paranoia, agressão e desejos intensos. Você pode precisar usar um medicamento similar para aliviar ou evitar sintomas de abstinência de anfetaminas. Incapacidade de reduzir ou parar. Você gostaria de reduzir ou parar de usar anfetaminas, mas não tem êxito. Você continua a usar anfetaminas mesmo sabendo que está causando problemas físicos ou psicológicos persistentes ou recorrentes.

Mudanças de estilo de vida. Você perde regularmente ou não participa de tantas atividades recreativas, sociais ou de trabalho por causa do seu uso de anfetaminas.

Tratamento

Como é tratada a dependência de anfetaminas?

Os tratamentos para a dependência de anfetaminas podem incluir uma combinação de fatores como:

Hospitalização

Se você sentir fortes desejos de consumir drogas, talvez seja mais fácil passar pela desintoxicação de anfetaminas em um ambiente hospitalar. Também pode ajudar se você apresentar mudanças de humor, incluindo agressão e comportamento suicida.

Terapia

O aconselhamento individual, a terapia familiar e a terapia grupal podem ajudá-lo: 

  • Identificar por que você usa drogas;
  • Resolver problemas que o levaram a usar drogas;
  • Resolver os relacionamentos com a sua família;
  • Aprenda maneiras de evitar o uso de anfetaminas;
  • Descobrir as atividades que você gostaria de desfrutar em lugar do uso de drogas;
  • Obter apoio de outras pessoas que já foram usuários de anfetaminas porque eles entendem o que você está passando (o Hospital Santa Mônica realiza grupos terapêuticos com essa finalidade).

Medicação

O médico poderá prescrever medicamentos para aliviar os sintomas graves de abstinência, como metilfenidato se tiver uma dependência grave de anfetaminas intravenosas, a fluoxetina pode diminuir seus desejos e a imipramina para ajudá-lo a manter seu tratamento para a dependência de anfetaminas. Outros medicamentos ainda poderão ser prescritos para ajudar a aliviar os sintomas de ansiedade, depressão e agressão.

Complicações

Quais são as complicações da dependência de anfetaminas?

Dependência e abuso consistentes de anfetaminas podem levar a:

  • Morte;
  • Overdose;
  • Dano cerebral (você poderá sentir sintomas que se assemelham a doença de Alzheimer, epilepsia ou acidente vascular cerebral).

Perspectivas

A dependência de anfetaminas pode ser difícil de tratar. Você poderá recair após o tratamento e começar a usar anfetaminas novamente. Participar de um programa de tratamento de drogas dos 12 passos e obter aconselhamento individual poderá reduzir suas chances de recaída.

Prevenção

Programas de educação de drogas podem reduzir as chances de uso de anfetamina ou de uma recaída. Aconselhamento para problemas emocionais e apoio familiar também podem ajudar. No entanto, nenhum destes foi comprovado para evitar o uso de anfetaminas em todos.

 

Tratamentos eficazes em ambiente seguro e familiar. Converse com nossos médicos especialistas.
VENHA NOS CONHECER

Planos de Saúde

Amil
Interclinicas do Brasil
Vale Saúde
Unimed Intercâmbio
Unimed Federal
Unimed CT Nacional
Unimed ABC
Transmontano
SulAmérica
Sompo
Sinpeem
Sepaco
Saúde Caixa
Santa Amália
Sabesprev
Prodesp (GAMA)
Prime Saúde
Prevent Sênior
Plan-Assiste (MP FEDERAL)
Panamed Saúde
Omint
NotreDame Intermédica
Nipomed
Metrus
Mediservice
Master Line
Mapfre Saúde
Life Empresarial
Intermédica
Green Line
Gama Saúde
Fusex
EMBRATEL
Economus
Correios / Postal Saúde
Caixa Econômica Federal
Bradesco Saúde
Banco Central
APCEF/SP
AMAFRESP
Alvorecer Saúde
Aeronáutica
ABRASA
ABET
Ver todos